Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Celia Calle


... agradecer do fundo do coração a todos os que demonstraram solidariedade e preocupação com o post de ontem, depois pedir desculpa por vos aborrecer com aquilo que parece ingratidão da minha parte ao queixar-me do meu trabalho num país com uma taxa de desemprego tão elevada... pá, não me fodam! Dizer ou pensar que "ao menos tens trabalho", para mim é o mesmo que dizer a um acidentado, que ficou tetraplégico, que ao menos não morreu... é esta miserabilidade tão mesquinha, tão poucachinha, tão pobre, tão pouco ambiciosa e tão portuguesa que me deixa danada! Porra, pá! Aonde é que essa merda nos leva?! Alguém me explica porque é que temos que aceitar tudo o que nos impõem, quando o que nos é imposto não faz o mínimo sentido? Quando nos dizem que é o melhor para nós e para a organização, e o contrário nos entra pelos olhos adentro? Podeis pensar que sou avessa à mudança, pois eu digo-vos já que não! Em 16 anos, já passei por tantas mudanças, algumas razoáveis, outras nem por isso mas aceitáveis e outras ainda que implicaram alterações radicais na minha vida pessoal que eu aceitei por amor à camisola. Contudo, também sei que há muita gente que atiraria a toalha ao chão por bem menos a que me sujeitei! Depois de anos e anos em mudanças constantes já não me considero resistente à mudança, e aceito-a de braços abertos desde que me seja explicada de uma forma que não ofenda a minha inteligência... e pronto, é isto. Cá continuarei, contra tudo e contra todos, a fazer aquilo que gosto e para o qual estudei e me esforcei, mas nunca me peçam para aceitar tudo de bico calado, isso é que não!

IMG_0573.JPG Obrigada por estarem aí e desculpem qualquer coisinha, sim?

publicado às 07:56


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Moi!

foto do autor




Despensa

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D