Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ilustração - Celia Calle


O mal...

18.05.17

... ou bem, depende da perspectiva, de viver em Coimbra é que por mais anos que passem desde o final da minha vida académica, tenho que lá ir todos os anos picar o ponto...

IMG_1945.JPG

IMG_1951.JPG

IMG_1954.JPG

... é que até parece que o ano não corre bem se não for, as noites do parque são viciantes. E o melhor de tudo é que agora já não tenho que contar os trocos para matar o vício!

IMG_1959.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:38

... que lamento imenso na minha pessoa é a minha total inabilidade para desenho e tudo o que sejam artes gráficas. Não consigo, nem nunca consegui, desenhar uma linha reta direita, nem com a ajuda de uma régua, então se for desenho livre... bom, já vi desenhos de crianças de infantário muito mais perfeitos do que o melhor desenho que alguma vez fui capaz de produzir. De maneiras que sou grande admiradora de quem consegue desenhar com a mesma facilidade com que respira e adoro a criatividade inerente a essas pessoas. Todos os anos, a comissão da Queima das Fitas de Coimbra convida todos os que queiram participar a apresentar uma maquete para o Concurso do Cartaz Oficial da Queima das Fitas, cujo o regulamento obriga a que nele constem as cores das faculdades (amarelo para Medicina, vermelho para Direito, azul claro e branco para Ciências e Tecnologias, azul escuro para Letras, roxo para Farmácia, vermelho e branco para Economia, laranja para Psicologia, castanho e branco para Desporto) e todos os motivos alusivos à Universidade de Coimbra e à sua Praxe Académica (a Torre da Universidade (carinhosamente chamada Cabra), o penico, a moca sem saliências, a tesoura de pontas redondas e a colher de pau da praxe) que deverão estar presentes de forma devidamente visível e integrada no desenho, deverá também representar o lema escolhido para a Queima desse ano. Lembro-me quando estudava que o dia da divulgação do cartaz vencedor era sempre muito empolgante, pois o mesmo para além servir para anunciar a maior festa académica do país, era também adquirido em formato "cromo de caderneta" (selo) para ser colado na parte interior da pasta académica, assinalando assim os anos de matrícula na universidade para memória futura. Eu tenho seis selos colados na minha velhinha pasta (sim, cabulei um bocadinho) uns mais giros que outros, e este ano, ao ver o cartaz vencedor, tive pena de não estar matriculada só para poder incluí-lo na minha pequena coleção.

IMG_1451.JPG

"Uma balada com saudade, um até já a esta cidade".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:36

... de quarentona! Ontem foi o cortejo académico em Coimbra, desde que o passaram da 3.ª feira para o domingo nunca mais combinei com os meus ex-colegas participar nele e nem me aproximo sequer da baixa da cidade! As únicas imagens que vi do dito foram as que passaram na televisão e qual é o meu espanto quando vejo quase todos os estudantes completamente encharcados da cabeça aos pés... questionei porquê, uma vez que não tinha chovido... depois vejo que agora é cool despejar cerveja pela cabeça abaixo... no meu tempo, fixe, fixe era despejar cerveja pela goela abaixo! Valha-me a Nossa Senhora do Grelo Queimado, se aquilo não é um desperdício do catano!!!!!! Estou mesmo a ficar velha e quadradona!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:09


Moi!

foto do autor




Despensa

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D