Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ilustração - Celia Calle


... que não me esbardalho à grande e à francesa! Eu até ando a estranhar, não que ande sempre a beijar o chão, mas quando caio... meus amigos, é espetáculo garantido. Já me espalhei ao comprido no meio da pista de dança de uma discoteca semi lotada, já fiz o meu marido pensar que estava aflita para ir à casa de banho depois de ter desaparecido uns segundos após ter saído do carro em frente à minha casa, estava estendida à porta do prédio e a última vez foi em frente a um carro no parque de estacionamento de um centro comercial que tinha parado para me dar passagem... o carro estava cheio de jeitosos, pelo que não fui só eu que me esbardalhei, foi também todo o meu charme.

IMG_1979.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:30

Ontem fui...

19.05.17

... ao Hospital Egas Moniz em Lisboa visitar um familiar e na sala de espera dei com este quadro (peço desculpa pela qualidade da foto) e reconheci imediatamente o que estava nele serigrafado...

IMG_1961.JPG

... dou um doce a quem souber dizer o que é e onde fica. Uma dica, passei grande parte da minha infância neste local.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:45

O mal...

18.05.17

... ou bem, depende da perspectiva, de viver em Coimbra é que por mais anos que passem desde o final da minha vida académica, tenho que lá ir todos os anos picar o ponto...

IMG_1945.JPG

IMG_1951.JPG

IMG_1954.JPG

... é que até parece que o ano não corre bem se não for, as noites do parque são viciantes. E o melhor de tudo é que agora já não tenho que contar os trocos para matar o vício!

IMG_1959.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:38

A amizade...

10.05.17

... não tem idade, não tem género, não tem cor, não tem raça, não tem credos, não tem partidos, não tem clubes, não tem orientação sexual, não tem filosofias de vida, não tem preferências de qualquer espécie, na amizade não há espaço para diferenças, ela não é exclusiva de uma espécie e ontem perdi uma Amiga...

IMG_1933.JPG

... a única que tinha por mim, não sendo a sua dona e nem a visitando todos os dias, a amizade mais genuína, mais despretensiosa, mais desinteressada e mais pura. Sempre que me via, saltava para o meu colo, enchia-me de beijos, aninhava-se no meu colo, e quando estava frio, enfiava-se por entre as minhas camisolas e ali ficava bem juntinho ao meu coração... a saudade acabou de ganhar mais um nome, Kika ecoará na sua imensidão...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:16

Nem só de...

05.05.17

... de colegas tipo a "mais querida" (que doravante passarei a denominar de "tamanco", por ser elegante como um tamanco, por ser bruta como um tamanco e por ser burra que nem, precisamente, um tamanco), vive a chafarica-mor. Desde que entrei para esta casa, há 17 anos, que uma colega que não trabalha diretamente comigo e nem é "amiga-colega", daquelas a quem abro as portas da minha casa e que privam comigo e com a minha família, cumpre um ritual: todos os anos partilha comigo um punhado das primeiras cerejas que compra a um preço proibitivo, só porque numa das nossas primeiras conversas eu referi que adorava cerejas...

IMG_1920.JPG

... esta sim, merece o adjetivo Querida, sem aspas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:21

E perguntam...

04.05.17

... vocês, Quarentona, como é? Estás em forma para enfrentar o verão e o bikini de cabeça erguida? Meus caros, esta mania que eu tenho de me atirar, não a tudo o que mexe, mas a tudo o que jaz inerte, fumegante ou não, cheiroso com certeza e deliciosamente apetecível, normalmente em cima de uma mesa e invariavelmente debaixo do meu nariz, dizia eu que essa minha mania tem as suas consequências, de maneiras que neste verão serei uma parente muito próxima desta menina aqui em baixo...

Portanto, podem tirar as vossas ilações...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:28

Tenho um...

03.05.17

... sentido de humor um bocado, como dizer, exigente. Humor básico e infatilóide não me faz sequer sorrir, humor brejeiro idem, humor parvo ao estilo "Isto só vídeo" não me faz gargalhar. É o humor "Britcom" o meu eleito, adoro o humor histórico-social do género "Blackadder" e "Allo Allo", mas não consigo impedir o riso com o socialmente condenável humor negro, no entanto, é o humor idiota e nonsense do tipo "Monty Python" que me faz ir às lágrimas. Há uns anos valentes, uma grande amiga e eu seguíamos viagem num autocarro urbano, numa paragem subiram várias pessoas, o motorista não aguardou que todos se sentassem e arrancou, um dos passageiros começa a esbracejar desesperadamente como quem tenta apanhar moscas no ar, indo aos ziguezagues pelo corredor do autocarro. Tanto eu como a minha amiga achámos que o homem transportava consigo uma enorme cadela, mas como ainda era cedo para já estar daquela forma, assistimos perplexas à cena, até nos apercebermos que o desgraçado era totalmente cego e procurava com as mãos um varão para se agarrar! Bom... ainda hoje, quando recordamos a cena, choramos a rir!

IMG_1925.JPG

Sim, eu sei. Sou uma perfeita idiota, o pior é que eu gosto!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:30

Eis que...

24.04.17

..., ao que parece, chegou o calor, o sol maravilhoso, os dias longos, o tempo das férias, praias, campos, montanhas ou das simples esplanadas, ou seja, chegou a vontade de estar em todo lado menos ficar encafuada num gabinete qualquer! Digam-me cá, nesta segunda-feira como se sentem?

IMG_1412.JPG

Eu sinto-me como o Dali n.º 7 mas só porque amanhã é feriado!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:54

... da vossa amiga foi à capital das drogas legalizadas e nem uma passita deu numa broca! E perguntam vocês, porquê, Quarentona? Ora, porque acagacei-me! Já não sou uma teenager inconsequente e o catano da consciência incomoda agora muito mais do que há 20 anos, eu explico! Sexta-feira ao final da tarde, fomos ao encontro do grupo de portugueses amigos do meu irmão, numa fábrica de cerveja onde se malham uns canecos a um preço simpático (tendo em conta os valores pornográficos que se praticam pelo resto da cidade), depois de umas cervejolas com 9 graus de álcool seguiu-se uma alegre jantarada num restaurante. Na mesa preparada para cerca de 20 pessoas, sentei-me ao lado de uma miúda que tinha acabado de chegar do Brasil para uns dias de férias. Ela estava imóvel e em completo silêncio na mesa onde as conversas animadas se atropelavam e eu, já acelerada pelo chá de cevada, resolvo meter conversa – olá, como te chamas? – ela olhou para mim... quer dizer, olhou através de mim e balbuciou qualquer coisa que eu não entendi. Virei-me para a minha companhia do lado oposto e perguntei o que é que a rapariga tinha que estava tão estranha – ah, não tem nada, só passou numa Coffee Shop antes de vir para aqui. – O que é certo é que ela passou o resto da noite sem abrir a boca, com cara de quem não estava nada curtir a moca, praticamente a dormir, parecia um autêntico zombie! Ó pôrra, pensei eu, se é para ficar assim, prefiro voltar à fábrica e emborcar mais umas jolas!

IMG_1904.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:45

Psssssst...

13.04.17

... está tudo aí? Já cá estou! Portaram-se bem durante a minha ausência? Não foram expulsos de nenhum hotel? Não andaram praí aos murros a ninguém? Não? Então tomem lá um cheirinho daquilo que me encheu as medidas nestes últimos dias, longe, muito longe de qualquer confusão. Primeiro dia, passeio de reconhecimento da cidade...

IMG_1499.JPG

Segundo dia, visita aos mercados de rua e Museu Van Gohg...

IMG_1535.JPG

IMG_1559.JPG

Terceiro dia, Madurodam, ou seja, "Holanda dos Pequenitos" e a famosíssima Red Light District, ou a "Holanda dos Grandes"...

IMG_1570.JPG

IMG_1631.JPG

Quarto dia, passeio nos canais do rio Amstel e aproveitamento de um raríssimo dia de sol e calor que leva Amesterdão em peso para a rua "lagartar"...

IMG_1671.JPG

IMG_1711.JPG

Quinto dia, visita ao paraíso dos amantes de flores, o Jardim Keukenhof, passagem obrigatória para quem visita o país que é o maior produtor de flores do mundo...

IMG_1770.JPG

IMG_1838.JPG

Sexto dia, o adeus à cidade e compras dos obrigatórios "recuerdos"...

IMG_1856.JPG

IMG_1879.JPG

Trouxe a promessa de voltar à cidade europeia que sempre me despertou grande vontade de conhecer e que não defraudou as minhas expectativas, bem pelo contrário, superou-as largamente!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:05





Despensa

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D